Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

100 Histórias para Partilhar

Este blog pretende ser um espaço de partilha da prática pedagógica de uma educadora de infância. Todos os textos ,fotos e videos estão sujeitos ao RGPD.

100 Histórias para Partilhar

Este blog pretende ser um espaço de partilha da prática pedagógica de uma educadora de infância. Todos os textos ,fotos e videos estão sujeitos ao RGPD.

Dom | 19.01.20

Organização do cenário pedagógico

Precisamos de ver, na escola, pequenos oásis que (re)confortam. Gestos que nos animam. Oportunidades que nos encantam e alentam. Poderes que nos gratificam. Precisamos de tempos de encontros e de celebração. Precisamos de nos felicitar uns aos outros. Porque estes motivos também existem. E são eles que nos podem animar e ampliar uma disposição gerada por estes mil espelhos de alegria. (Alves, 2011)

Sabe-se que para que a aprendizagem aconteça é fundamental que a sala de aula esteja organizada ( espaço e tempo) para que as crianças se apropriem da mesma , isto é saibam o que podem fazer, onde encontrar o que precisam para realizar os seus projetos, saibam como gerir o tempo, isto é consigam prever o que vai acontecer.Trata-se da organização do espaço em áreas de trabalho de forma a facilitar o livre acesso dos alunos aos materiais e da gestão do tempo, de maneira a permitir a realização diária de trabalho autónomo, decorrente dos seus interesses e necessidades em termos de aprendizagem. Neste sentido, depois de identificadas as áreas de trabalho há que começar a construir os instrumentos que nos sirvam de apoio a essa organização e que permitam às crianças iniciarem o seu processo de aprendizagem em autonomia.

DSCN120711.jpg

Iniciámos assim a construção da nossa agenda semanal, com alguns dos momentos já experienciados .

DSCN1253.JPG

E ,como nos organizamos de forma cooperada, isto é todos somos responsaveis pelo trabalho, espaço que é de todos, iniciámos as nossas tarefas, isto é realizar aquelas pequenos trabalhos que apoiam a nossa rotina ( escrever a data, dar de comida às tartarugas etc)

DSCN1240.JPG

E lá vamos nós caminhando com o sentido de nos tornarmos numa comunidade de aprendizagem, isto é um grupo de pessoas que constroem o seu próprio conhecimento apoiados nas vivencias e saberes de cada um e trazendo para a sala de aula as suas famílias e comunidades, eu incluída. Sei que é um caminho difícil, pois temos muitas vezes que abdicar das palavras " eu quero" para passarmos a dizer "nós queremos". Aos pais, que nos lêem dizemos que vale a pena este esforço inicial, de deixarmos os filhotes crescer e deixarem de ser apenas  só eles, para passarem a ser os vossos filhos integrados num grupo com que eles se importam e ajudam a crescer... pois a partir do momento em que  tomarem consciência da importância do seu papel no crescimento e apoio aos seus colegas darão um passo de gigantes para a cidadania.

Manuela Guedes 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.